Ex-aluno do Circo Crescer e Viver volta para agradecer as suas conquistas

Núcleo de Dança para Idosos no Circo Crescer e Viver já é considerado um sucesso pelos alunos
17 de abril de 2019
Alunos do núcleo dança para idosos do Circo Crescer e Viver se apresentarão pela primeira vez para o público
26 de abril de 2019
Sexta, 26 de abril de 2019.

Esta semana recebemos a visita mais que especial de um ex-aluno do nosso Programa de Circo Social, Michael Silva, 18 anos. Com ele, além do forte abraço vieram as boas notícias sobre as suas conquistas na vida. Fora das atividades circenses há mais de 3 anos, atualmente Michael trabalha como Jovem Aprendiz na Vara da Infância, da Juventude e do Idoso, localizado bem próximo ao Circo Crescer e Viver. “Eu sempre passo aqui em frente ao Circo Crescer e Viver e me bate aquela vontade de entrar e matar a saudade, dizer como anda a minha vida e como vocês foram importantes”, disse Michael.

O jovem chegou pela primeira vez no Circo Crescer e Viver em 2014, quando ainda tinha 13 anos. Trazido junto com outros colegas pelos educadores de um abrigo onde morava, o jovem nunca havia pisado em um circo até então. Foram quase 2 anos fazendo trapézio, acrobacia, equilíbrios e malabares, mas, o maior dos exercícios foi o da cidadania e a paixão pela arte.

“Minha vontade era voltar a fazer circo, mas a minha vida mudou muito, cresci”, afirmou com um tímido sorriso. Michael é estudante de violino e prometeu voltar um dia ao Circo Crescer e Viver para se apresentar as crianças do Programa de Circo Social. “Faço de tudo para não largar a arte despertada aqui no Circo. Quem sabe eu possa voltar aqui e tocar violino em uma apresentação das crianças? Tá aí, vou voltar pra dar esse presente pra eles”, concluiu emocionado.

(na foto nosso coordenador artístico Vinicius Daumas, abraça o jovem Michel Silva).

Clique aqui para conhecer o nosso programa de circo social